Pagamento do IPVA de veículos com placa terminada em 4 é prorrogado


Devido ao atraso de entrega do boleto às residências dos contribuintes paraibanos pelos Correios, o Governo da Paraíba prorrogou o prazo para efetuar o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) da placa com final 4 até o dia 6 de março. Mesmo com adiamento, o Governo vai garantir o desconto de 10% na opção da cota única ou no parcelamento em até três vezes aos proprietários que efetuarem o pagamento nessa nova data, sem acréscimos de multas ou juros. Segundo o Detran-PB, mais de 86,925 mil veículos têm placa final 4 na Paraíba.

Já o prazo de pagamento para os veículos de placa com final 3, que teve entrega do boleto normalizado pelos Correios, termina nesta sexta-feira (27). O proprietário tem a opção do desconto de 10% em cota única ou então parcelada em três vezes sem redução, sendo que a primeira tem que ser paga até esta sexta-feira. Cerca de 50 mil veículos têm placa final 3 na Paraíba.

A Secretaria de Estado da Receita lembra que os proprietários que parcelaram em três vezes o pagamento do IPVA das placas 1 e 2 deverão efetuar também nesta sexta-feira (27) a segunda parcela do tributo.

Contudo, caso o boleto da placa 4 não tenha chegado às residências via Correios até o dia 6 de março, o proprietário poderá imprimir pela internet no portal do Detran-PB. Basta informar o número completo da placa e do número do Renavam no link http://www.detran.pb.gov.br/index.php/ipva.html

De acordo com a pesquisa da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), contratada pela Receita Estadual, os proprietários de veículos usados no Estado da Paraíba terão uma redução média de 3,8% no pagamento do IPVA em 2015, quando comparado ao valor pago neste ano. A redução média considera todos os tipos de veículos, como automóveis, motos, utilitários, ônibus e caminhões.

Além do pagamento do IPVA, o proprietário de veículo precisa efetuar o pagamento da Renovação Anual de Licenciamento do veículo ao Detran-PB (R$ 117), da Taxa de Bombeiro (R$ 17,55) e do  Seguro Dpvat. O valor do Dpvat este ano será novamente de R$ 292,01 para motocicletas, motonetas, ciclomotores e similares, enquanto para automóveis e camionetas particulares, missão diplomática, corpo consular e órgão internacional de R$ 105,65. Já o Dpvat de micro-ônibus com cobrança de frete com lotação não superior a 10 passageiros e ônibus, micro-ônibus e lotações sem cobrança de frete (Urbanos, Interurbanos, Rurais e Interestaduais) continua também R$ 247,42.

Homem acusado de tentativa de homicídio é preso no Cariri


Um homem de iniciais J.A, de 52 anos, foi preso na tarde desta quarta-feira (25) na cidade da Prata, no Cariri paraibano. Segundo informações da PM,  o mesmo estaria armado com uma faca peixeira e um pedaço de pau, e teria atentado contra a vida de um cidadão de iniciais J.V., em Ouro Velho.

Devido à gravidade do problema, o Sargento Reginaldo, que comandava a guarnição que atendeu a ocorrência, solicitou apoio de mais uma viatura da cidade de Ouro Velho.

A guarnição saiu em diligência na captura do acusado, mas ao chegar ao local já não se encontrava mais ninguém. A PM se deslocou até a casa do senhor J.A, e o encontro sentado na calçada e deu voz de prisão ao mesmo.

O acusado não resistiu à prisão e foi conduzido para a 14° DSPC, onde foram tomadas as medidas cabíveis.

com VC

Prefeitura de São João do Cariri firma parceria com Grupo Educacional para oferecer cursos de ensino superior no município


A Prefeitura Municipal de São João do Cariri-PB, através da Secretaria de Educação,está firmando uma parceria com a Fundação de Ensino Superior de Olinda (FUNESO) e o Grupo Educacional (FAEXPE). Ambas estarão trazendo ótimas novidades para a população não só de São João do Cariri, mas de toda a região do cariri paraibano,que sonham em fazer um curso de nível superior.

A entidade educacional ofertará vários cursos para os interessados que almejam ingressar numa faculdade de ensino superior. Serão ofertados os seguintes cursos: Pedagogia, Administração, Ciências Contábeis e Serviço Social. As mensalidades estarão com um desconto especial, de 298,00 R$ estando a partir de agora com um preço de 149,00 R$, com um preço que cabe devidamente em seu bolso. Esse super desconto, se deu graças, a parceria firmada entre a gestão municipal e a entidade educacional.

As inscrições para o processo seletivo já se encontram abertas, sendo realizadas na sede da prefeitura municipal, na sala da Secretaria de Educação do município, no horário dás 08:00hs ás 14:00hs. E através dos seguintes contatos: (83) 8875-7475/8792-3982, contactando nas pessoas de Marlene Ramos (Licinha) e Netinho Maracajá. As inscrições serão totalmente grátis.

As provas escritas do processo seletivo de abertura serão realizados no dia 29 de Março, tendo início a partir dás 09:00hs da manhã.

Segundo a Secretária Municipal de Educação Marlene Ramos; "essa parceria é muito importante e visa o ingresso dos estudantes de São João do Cariri e região que por ventura ainda não estava cursando o ensino superior. Será um incentivo para que além dos estudantes das Universidades Públicas, outros estudantes que não estão cursando mais tem o desejo de cursar e possam seguir esse caminho educacional e se preparar para o seu futuro profissional e acadêmico", frisou a secretária.

Zizo Mamede: A pensão de dona Beja


Há pouco mais de um ano, uma revista de circulação nacional tentou pautar um tema que custaria à época 4,35 bilhões de reais por ano aos cofres públicos: as pensões pagas às filhas “solteiras” de funcionários públicos, mesmo sendo mulheres adultas.

Naquela reportagem foi citado como exemplo o caso da atriz global Maitê Proença, que recebia 13 mil reis mensais por ser filha “solteira” de um falecido procurador de justiça do Estado de São Paulo. – A matéria certamente não ganhou notoriedade na mídia porque não tinha nenhum figurão do PT entre os privilegiados.
Mais de 139 mil mulheres àquela altura eram beneficiadas. As beldades, para manter este “direito adquirido”, dizem ser solteiras, apesar de muitas serem casadas, terem filhos e viverem de fato com os seus respectivos esposos. Elas driblam a lei porque não oficializam o status de casadas ou de viverem em união estável.

Para se ter uma ideia do montante pago com as citadas pensões, esse valor de 4,35 bilhões era maior do que os orçamentos anuais da imensa maioria das capitais brasileiras. Dinheiro do contribuinte, gasto sob a justificativa arcaica de que essas mulheres precisavam ser “protegidas” após a perda dos pais e em casos de não terem maridos para lhes sustentar.

Há causos e histórias de privilégios e espertezas que entram para o anedotário, por exemplo, o da viúva de um promotor de justiça que registrou a neta como filha adotiva para tentar lhe repassar a gorda pensão que herdara do defunto. Uma tentativa de golpe no contribuinte, na base do “se colar, colou”.

Tanto o governo federal como os governos estaduais tentam, sem sucesso, reverter essa situação na justiça. A alegação de que em direitos adquiridos não se mexe transforma o privilégio em cláusula pétrea. A pensão de Dona Beja petrificou. É um privilégio fossilizado.

Pense num outro extremo concreto: um engenheiro que trabalhou durante décadas e contribuiu sobre um salário de 15 mil reais, ao se aposentar passa a receber, pelo teto, uns 4 mil reais.

Claro que este debate é muito complexo porque a sociedade e o Estado brasileiro são de grande complexidade. Os cálculos eleitorais não permitem fazer o debate sobre as reformas que precisam ser feito
Nestes tempos de vacas magras, de crise econômica de longa duração e consequentemente de dificuldades fiscais para os governos, quando a presidenta Dilma Rousseff propõe encarar privilégios de uma minoria que quer ter o direito a pensões insustentáveis, setores corporativos se levantam sem fazer um mínimo de discernimento. – Os privilegiados agradecem.

O erro político de Dilma estaria, dizem os opositores, em não ter anunciado estas e outras medidas de ajustes durante o período eleitoral. Era para ter anunciado tais correções no guia eleitoral. Era para anunciar e pagar o preço, porque combater privilégios no Brasil significa perder votos. – Pode?

UFCG Sumé discute implantação de cursos através do Pronatec


Em reunião realizada na manhã desta quarta-feira, 25, no Centro de Desenvolvimento Sustentável do Semiárido da UFCG, a direção do CDSA discutiu com professores desta unidade de ensino, com representantes da Prefeitura Municipal de Sumé, do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) e Coordenação do Pronatec UFCG a implantação de cursos através do Pronatec Campo (Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego), com o objetivo de oferecer cursos de qualificação profissional para a comunidade.

Na reunião foi discutida foram apresentadas as características, o funcionamento do programa e a forma como se dará a participação de cada parceiro nessa ação.

A proposta inicial para o Campus de Sumé é a realização dos cursos de Auxiliar Administrativo, Operador de Tratamento de Resíduos Sólidos e Auxiliar de Agroecologia, surgidos a partir de demanda da sociedade. A direção do CDSA assumiu o compromisso de oferecer o suporte necessário para a realização destes cursos a exemplo do uso de salas de aula e laboratórios.

 “A Direção do CDSA dará apoio aos cursos que as comunidades estão demandando e o CDSA está pronto para trabalhar nesse programa tanto com o MDA, quanto com os órgãos parceiros que já interagem com o Centro em outras ações a exemplo da Prefeitura Municipal de Sumé desde o início deste centro de ensino”, disse o diretor do CDSA, José Vanderlan Leite de Oliveira.

 O próximo passo para a efetivação da parceria CDSA, Prefeitura de Sumé e MDA no oferecimento de cursos através do Pronatec será a tramitação de toda documentação necessária para a efetivação do Programa.

 Participaram da reunião o diretor do CDSA, Vanderlan Leite, o vice-diretor Irivaldo Oliveira, a secretária de Ação Social de Sumé, Brígida Xavier, Willian Martinho, integrante da Secretaria de Ação Social, Jefferson Lima Palmeira, representante da Delegacia do MDA na Paraíba, Raimundo Gonçalo Cariri, coordenador do Pronatec ETSC/UFCG, Wellington Bezerra de Sousa, supervisor do Pronatec e diretor da Escola Técnica de Saúde de Cajazeiras, dos professores do CDSA Hugo Morais, Carina Seixas, Ilza Brasileiro, Adriana Meira e da técnica em química Norma Lima, também do CDSA.

 O que é o Pronatec?

 O Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) foi criado pelo Governo Federal, em 2011, por meio da Lei 11.513/2011, com o objetivo de expandir, interiorizar e democratizar a oferta de cursos de educação profissional e tecnológica no país, além de contribuir para a melhoria da qualidade do ensino médio público.


O Pronatec busca ampliar as oportunidades educacionais e de formação profissional qualificada aos jovens, trabalhadores e beneficiários de programas de transferência de renda.

 Os cursos, financiados pelo Governo Federal, são ofertados de forma gratuita por instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica e das redes estaduais, distritais e municipais de educação profissional e tecnológica. Também são ofertantes as instituições do Sistema S, como o SENAI, SENAT, SENAC e SENAR. A Partir de 2013, as instituições privadas, devidamente habilitadas pelo Ministério da Educação, também passaram a ser ofertantes dos cursos do Programa.

Câmara vai apreciar projeto que proíbe um 3º pedido de licença da prefeita de Juazeirinho


Um projeto de Resolução que muda o regimento interno da Câmara e a Lei Orgânica do município, vai ser colocado em pauta para apreciação dos vereadores na próxima sessão ordinária da Casa José Cosme de Oliveira, que acontece no dia 5 de março a noite.

O projeto, se aprovado, não permite, por exemplo, que a prefeita, Carleusa Marques (PTB), tire outra licença, pois fica permitida apenas duas licenças e ela já as tirou. Carleusa tirou a primeira licença de fevereiro a agosto do ano passado e, em outubro, pediu outra licença de 6 meses.

O objetivo do Projeto de Resolução é proibir que Carleusa tire uma terceira licença. Pela proposta, se quiser deixar o cargo, ela terá que renunciar  Mas agora, com a sua volta prevista para março, ela não poderá mais renovar a licença e só poderá deixar o cargo se renunciar de vez.

O projeto conta com o apoio da oposição na Câmara, que tem ampla maioria. Ou seja, são 8 vereadores contrários a atual gestão que tem o prefeito interino, Jonilton Fernandes (PSB), no comando do município.

A proposta é polêmica e deve gerar uma grande debate entre os parlamentares.

Com Heleno Lima

Filho de Cássio nomeia no gabinete dois ex-deputados renomados e derrotados nas urnas


Novato na política paraibana, o deputado federal Pedro Cunha Lima (PSDB), agindo dentro da sua prerrogativa parlamentar de escolher assessores no gabinete de sua livre confiança, o filho do senador Cássio Cunha Lima (PSDB), pode ser acusado de diversos defeitos, porém um ato nesse primeiro mês de mandato deve ser apontado como uma virtude: a de socorrer aliados do partido em situação difícil.

Pois bem, Pedro que foi o campeão de votos na ultima eleição para Câmara Federal, tendo tido um tratamento privilegiado por parte da Coligação que teve o seu pai derrotado na disputa pelo Palácio da Redenção, decidiu empregar no seu gabinete em Brasília, duas figuras conhecidas na classe política paraibana e que ficaram sem mandato em 2015: os ex-deputados Ruy Carneiro que é presidente do PSDB da Paraíba e Iraê Lucena (PSDB).

Ruy que foi um dos deputados mais atuantes em Brasília, surfou na onda Cássio, foi companheiro de chapa do tucano e agora recebe um mimo do herdeiro político do grupo.

Já Iraê que rompeu após ter sido secretaria por longos anos da gestão Ricardo Coutinho (PSB), tendo logo em seguida se distanciado do socialismo acreditando na perspectiva de poder de Cássio, deixou o PMDB partido que sempre militou, disputou uma cadeira na Câmara Federal pelo PSDB obtendo minguados 5.353 votos, agora estará bem próxima de Brasília colaborando com o mandato de Pedro Cunha Lima, informações dão conta que Irâe é vincula ao Ministério do Planejamento e Gestão, tendo sido cedida a pedido para o gabinete do filho de Cássio. O salário de ambos é uma prerrogativa do neto do poeta Ronaldo Cunha Lima.

Por falar em apadrinhamento, outra nomeação que mereceu registro em Brasília nos últimos anos foi a de Coriolando Coutinho, irmão do governador Ricardo Coutinho no gabinete do deputado Damião Feliciano (PDT).

Pedro Cunha Lima, estreia na política da Paraíba, praticando a caridade com aliados que ficaram desempregados e levando a sério a máxima que dizia onde para saber o valor do dinheiro basta pedi-lo emprestado, pois já dizia Publilius Syrus: “A prosperidade faz amigos, a adversidade testa-os!”

com PB Agora

Prefeitura de São José dos Cordeiros está com obras a todo vapor de novo ginásio de esportes


 O município de São José dos Cordeiros ganhará uma nova quadra esportiva. Com um ginásio já em funcionamento e atendendo aos jovens do município, o prefeito Fernando Queiroz acompanhou o início dos trabalhos de construção de um novo ginásio para a cidade.

Com investimentos da ordem de R$ 510 mil, a Prefeitura de São José dos Cordeiros em parceria com o FNDE está construindo um novo ginásio, com arquibancada e vestiários. Será um ginásio de grande porte e que assistirá os jovens cordeirenses na prática esportiva.

“Estamos hoje com várias obras em andamento e outras para começar a exemplo da escola rural na comunidade do Simão Lopes e esse é o ritmo do nosso trabalho. Enquanto alguns querem atrapalhar, nós optamos por trabalhar e fazer mais por São José dos Cordeiros”, destacou o prefeito Fernando Queiroz.

Companhia de Polícia Militar de Serra Branca terá novo comandante


 A Companhia de Polícia Militar de Serra Branca terá a partir de agora um novo comandante. O Tenente Cavalcante, que está no cargo há dois anos, foi promovido para a função de corregedor do 11º Batalhão de Polícia Militar e com a vacância assumirá o comando da PM de Serra Branca o capitão Guilherme Santos.

Capitão Guilherme já foi sub-comandante do 11º BPM de Monteiro, corregedor da PM e atualmente está na coordenação do curso dos novos soldados em Sumé. O capitão Guilherme recebe o cargo do tenente Cavalcante até esta sexta-feira (27).

De olho no Cariri

Governador Ricardo Coutinho altera diretores em escola de São João do Cariri


O governador Ricardo Coutinho realizou mudanças nas direções de Escolas Estaduais de várias cidades da Paraíba. O ato foi publicado no Diário Oficial do estado desta quarta-feira (25).

Foram modificadas as direções de escolas em São João de Cariri, Junco do Seridó, Santana dos Garrotes, Rio Tinto, entre outras.

Em São João do Cariri as mudanças ocorreram na Escola Estadual Severino Medeiros Ramos, localizada na Comunidade de Malhada de Roça. Theogna Ramos de Araújo assumiu a Direção do Educandário, tendo como vice-diretor Rafael de Oliveira Araújo e Secretário Fabrício Cândido Costa.

Paraíba Mix

TRE determina revisão no eleitorado em cidade do Cariri


O corregedor regional eleitoral, juiz Tércio Chaves de Moura, determinou a revisão do eleitorado do município de Barra de Santana, localizado no Cariri Paraibano. O pedido foi formulado pelo prefeito Joventino Ernesto do Rêgo Neto, que alegou que o número de eleitores da cidade é apenas 8,9% inferior ao total de habitantes.

Em seu despacho, ele destacou que os procedimentos atinentes à revisão de eleitorado encontram-se disciplinadas em  resolução do Tribunal Superior Eleitoral  (TSE).

O juiz também destacou o parecer do Ministério Público Eleitoral (MPE) pela procedência do pedido. “Desta feita, acompanho o parecer ministerial, entendendo, assim, pela necessidade da revisão de eleitorado a que se presta o presente requerimento”, disse.

A revisão do eleitorado de Barra de Santana será realizada concomitantemente ao recadastramento biométrico dentro do cronograma previsto pelo TSE.

Obra mal feita em cidade do Cariri gera protestos contra desperdício de água


O desperdício de água por conta da construção de uma fonte luminosa está provocando protestos nas redes sociais entre os moradores da cidade de Boqueirão, no Cariri Paraibano. De acordo com moradores da cidade, a prefeitura construiu uma fonte, mas por causa de falhas na execução da obra, muita água foi desperdiçada  por conta constantes vazamentos.

Um morador que reside próximo a obra disse que desde o dia em que foi construída, a fonte apresentou vazamentos. Segundo ele, que preferiu não se identificar, a prefeitura gastou em torno de R$ 200 mil na obra e agora interditou o lugar mais uma vez para tentar contornar o problema. “A cidade passando por uma crise hídrica nunca vista na região, e a prefeitura promovendo desperdício de água sem tamanho, o que é um absurdo”, comentou.


Ele disse que já perdeu as contas de quantas vezes a prefeitura teve que intervir na obra, que ainda apresenta vazamentos. “Já mexeram na fonte umas dez vezes, mas não ajeitaram ainda o problema. Só espero que isso acabe logo, porque não agüento mais ver tanto desperdício de água e ninguém fazer nada”, lamentou.

Paraíba Mix com MaisPB

Somente neste ano 22 agências bancárias já foram alvo da ação dos bandidos na PB


 Enquanto cidades como São Paulo e Rio de Janeiro adotaram medidas para conter o avanço dos ataques a bancos, os bandidos continuam desafiando a polícia e amedrontando a população no interior da Paraíba. Somente este ano, 22 agências bancárias já foram alvos das quadrilhas. Os ataques a bancos e a caixas eletrônicos tem deixado a população com medo e insegura em alguns cidades do Estado.


Segundo o Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos Bancários da Paraíba, os bandidos estão cada vez mais ousados e violentos. Somente esta semana, duas agências foram explodidas pelos marginais. Uma das ações aconteceu na madrugada de ontem em Pilões, no Brejo do Estado. Pelo menos dez homens participaram da explosão de um caixa eletrônico Agreste paraibano. Segundo a Polícia Militar, os criminosos ainda atiraram nos pneus de viaturas da polícia e disparam para cima para assustar os moradores durante a fuga.


Na explosão, uma parte da estrutura do caixa eletrônico atingiu o Centro de Apoio ao Turista que fica do outro lado da rua. O grupo levou o cofre do caixa e saíram disparando para cima.


Estratégia parecida foi adotada em outra ação na mesma madrugada na cidade de Livramento, onde oito homens se dividiram em dois grupos, cercaram um destacamento da PM e explodiram uma agência bancária da cidade, mas não levaram o dinheiro.


Segundo a polícia, além de explodir a agência, o grupo cercou o destacamento da Polícia Militar para que os policiais não prejudicassem a ação. Os criminosos não conseguiram levar nada em dinheiro.


Os oito homens estavam fortemente armados e se dividiram em duas equipes. Uma delas se dirigiu à agência bancária e outra ao destacamento da Polícia Militar para cercar o local.


Uma das equipes abriu o portão da agência bancária com uma marreta e tentou explodir o caixa eletrônico. Após praticar o crime, os assaltantes fugiram utilizando três veículos. Na fuga, ainda jogaram grampos na estrada e furaram os pneus das viaturas da Polícia Militar. Até o momento ninguém foi preso.


Os ataques a bancos também tem ceifado vidas na Paraíba. Um levantamento da Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf) e da Confederação Nacional dos Vigilantes (CNTV) divulgado ontem, revelou que a Paraíba registrou três mortes durante assaltos a agências bancárias em 2014. A quantidade contabilizada na Paraíba representa 5% do total do país.


Em todo o Brasil, 66 pessoas foram assassinadas, segundo a pesquisa, que foi feita com base em notícias veiculadas na imprensa e contou com o apoio técnico do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese).


PBAgora